“Erguei-vos e Levantai a cabeça!”

O primeiro Evangelho do Advento é dramático, como têm sido os desta última semana: terramotos, fomes, guerras, perseguições e traições… Tudo em cores bem sombrias. O Evangelho, porém, não fala do fim do mundo, mas do sentido da história: “Erguei-vos e levantai a cabeça, porque a vossa libertação está próxima.”
Com isto, Jesus pede-nos um olhar mais alto e mais ao longe, para não ficarmos bloqueados na teia dramática da existência ou perdidos no labirinto das nossas lágrimas.
Virão coisas terríveis, sim. Quanto ao tempo e ao modo, Jesus não se pronuncia, mas alerta-nos para o modo como devemos viver o tempo, cada tempo, o nosso tempo. Sempre “em jubilosa esperança”, porque sabemos que Deus, tomando a iniciativa, vem ao nosso encontro, apesar dos muros que construímos, das guerras que provocamos e dos desmandos que cometemos na relação de uns com os outros e com a natureza.
Iniciámos o Tempo Litúrgico do Advento. Que nos permita a experiência de, além de cidadãos do mundo, estrangeiros e passageiros, verdadeiros peregrinos do absoluto, chamados a viver de coração “atento e leve” o Tempo belo e feliz do Advento.

P. Fausto

in Diálogo nº. 1756 (Domingo I do Advento – Ano C)

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *