Bons exemplos…

Nesta semana, a Comissão de Festas de Nossa Senhora da Vitória decidiu pôr fim ao seu mandato e apresentar o resultado das actividades que, ao longo destes 2 últimos anos, o “Covid” permitiu realizar.
Dados os constrangimentos que a epidemia provocou na vida religiosa pessoal e comunitária, a Festa em honra de Nossa Senhora da Vitória, que se realiza em Julho, também este ano não se realizou em pleno. A Comissão, porém, não desistiu, e realizou o que era permitido à expressão mais digna possível da devoção a Nossa Senhora.
Por fim, satisfeitos os encargos financeiros, a Comissão cumpriu o que se determina na legislação diocesana, relativa às Festas Religiosas: prestação de contas ao Pároco e apresentação do remanescente para integrar o Fundo Económico Paroquial, que, neste caso, ascendeu aos 1 447 euros.
Merece, pois, a Comissão os nossos parabéns pelo trabalho desenvolvido e pela verdade das contas apresentadas. É mais um bom exemplo do desempenho que se espera de uma Comissão de Festas Religiosas.

P. Fausto

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *