E depois ?

 

 

CristoRei_A

Chegámos ao último domingo do ano litúrgico, sempre com a solenidade de Cristo Rei do Universo a lembrar-nos que, para além desta etapa terrena, se abrem as portas dum Reino, que Jesus veio implantar e para o qual nos convida definitivamente : “Vinde tomar parte do reino que vos está preparado…”
Vislumbramos, antevemos, mas ainda não o gozamos plenamente. O que dele sabemos, porém, é que se trata de algo que nos torna já muito felizes, porque “não haverá mais morte, nem lágrimas, nem luto… não haverá ninguém infeliz”
Mas, atenção: só há um caminho para lá chegar e a credencial de entrada é apenas a do capítulo 25 do Evangelho de S. Mateus: “Tive fome e destes-me de comer, tive sede e destes-me de beber, não tinha roupa e me vestistes…” Seremos, então, julgados pela maneira como amámos ou como abandonámos o próximo.
Os que amaram… pertencem ao Reino. Os que se fecharam em si mesmos e desconheceram os outros, serão excluídos. E nem lhes vale como defesa não terem feito nada de mal, porque simplesmente nada fizeram de bem.
Com a solenidade de Cristo Rei do Universo termina o ano litúrgico e a Sua Vinda gloriosa abre-nos as portas para a plenitude da Comunhão com Deus e com todos os que, no lado de cá, souberam traduzir em actos concretos o mandamento novo do Amor.

P. Fausto

in Diálogo 1585 (Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo – Ano A)

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *