Homens luminosos

 

2dq_A

Quem mais luminoso que Jesus, que, hoje, no alto do monte, deixa transparecer a Pedro, João e Tiago, a glória da Sua divindade e os comove, absorve, assombra e extasia?
É verdade que o Evangelho da Transfiguração é a marca deste segundo domingo da Quaresma, mas ao longo da história da salvação deparamo-nos com pessoas de cuja vida e exemplo irradia uma luz que os séculos não escurecem. Refiro-me a Abraão, a quem Deus convida a deixar a sua terra, o conforto e a sua segurança, e a dirigir-se para o desconhecido. As promessas são grandes, mas o presente imediato é uma incógnita.
Para Abraão a única realidade que conta é a Palavra do Senhor, e, apenas fiado nela, põe-se a caminho. Modelo de Fé, Modelo do crente!
Não deixemos de ter presente, no caminho de transfiguração que deve ser toda a nossa vida, Abraão, que não mede os planos de Deus, que não faz contas com Ele, nem pede explicações…
Que Abraão inspire a nossa caminhada quaresmal de modo que, mais luminosos no olhar, nas palavras, gestos e pensamentos, no coração e no rosto, iluminemos de Jesus Cristo os nossos ambientes.

P. Fausto

in diálogo 1554  (II Domingo da Quaresma – Ano A)

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *